Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Novamente Geografando

Este blog organiza informação relacionada com Geografia... e pode ajudar alunos que às vezes andam por aí "desesperados"!

Novamente Geografando

Este blog organiza informação relacionada com Geografia... e pode ajudar alunos que às vezes andam por aí "desesperados"!

1,5 MIL MILHÕES DE PÁSSAROS ESTÃO A DESAPARECER DOS CÉUS DA AMÉRICA DO NORTE

Mäyjo, 16.10.16

passaros-eua

Uma pesquisa surpreendente sobre os céus norte-americanos revela que há menos 1,5 mil milhões de pássaros, em comparação com os números de há décadas atrás. Algumas espécies ficaram recentemente sob ameaça,   enquanto se estima que outras irão desaparecer dentro de 40 anos. Vários factores são apontados como causa, mas o impacto humano lidera os motivos para o desaparecimento.

 

“Nós estamos realmente a chegar à última gota de algumas dessas espécies”, afirmou a co-autora do estudo Judith Kennedy, da Environment Canada. Vários governos, agências ambientais e universidades juntaram-se para desenvolver o estudo Partners in Flight, a mais extensa investigação sobre as populações de pássaros do país.

86 espécies de aves foram assim classificadas como ameaçadas pela perda de habitat e por alterações climáticas. Sob ameaça elevada está por exemplo o Rouxinol do Canadá, cuja população diminuiu 90% desde 1970. A exploração de madeira em florestas, os pesticidas nas pastagens e uma enorme população de gatos – por ano são responsáveis pela morte de 2 mil milhões de aves- são apontadas como causas para o rápido desaparecimento dos pássaros nos EUA.

As aves têm um papel muitas vezes desconhecido, mas bastante importante no controlo de insectos e na polinização de plantas. Para Judith Kennedy, investigadora neste projecto, é vital que “a sociedade mude os seus comportamentos diários que tanto afectam as populações de aves neste país, porque em breve estaremos reduzidos a uma centena de animais, e aí será tarde demais.”

Foto: Scott Wedell / Creative Commons